Ele não deixa

Sua melhor amiga arrumou um namorado novo e você não consegue encontrar com ela há uns três meses. Quando finalmente conseguem marcar para tomar uns drinques e colocar o papo em dia, lá está o tal namorado junto, e ela fica só no suco, porque ele não gosta quando ela bebe. Sempre que você liga ela está com ele, e vocês nunca conseguem sair juntas, porque ele não deixa ela sair sozinha.

Essa situação te parece familiar? O pior é que não é tão raro encontrar meninas que viram dependentes e controladas pelo namorado. “As mulheres tem uma tendência natural de dar importância ao parceiro, filhos, amigos, o que acaba muitas vezes deixando-a em segundo plano”, explica a psicóloga Marjorie Vicente.Tudo bem que no início de um namoro, tudo são flores, os dois querem se conhecer e o mundo vira um mero coadjuvante nessa nova relação. Mas, segundo a psicóloga Beatriz Acampora, prolongar esse comportamento “é uma necessidade de preenchimento do tempo e do ‘vazio existencial‘, ou seja, uma forma de não parar para pensar em como ocupar o tempo sem o outro”.

De acordo com as especialistas, uma relação dessas está, em sua maioria das vezes, fadada ao fracasso. E o motivo é quase óbvio, mas muita gente se nega a enxergar: “O risco maior é uma das partes se sentir sufocada e querer interromper a relação ou se afastar gradualmente da outra”, declara Beatriz. E isso porque, segundo Marjorie, “as qualidades que chamavam a atenção do parceiro no início da relação desaparecem”. “A pessoa se esforça ao máximo para ser o que o outro espera, e acaba se tornando apenas uma sombra da pessoa amada”, explica ela.

Mas como você não consegue ficar sentada, esperando a sua amiga “cair em si”, é hora de agir. O maior desafio, na verdade, é fazê-la te ouvir e assumir que as coisas não podem dar certo do jeito que estão. Antes de sair falando mal do novo “sapo” para ela, a família e os amigos devem respeitar a escolha que ela tomou, afinal ela deve “viver da forma como ela julgar melhor no momento”, afirma Marjorie. A dica da psicóloga é não se afastar dela por conta disso, e “se colocar a disposição caso precise de qualquer coisa”.

“A família e os amigos podem tentar alertá-la que deve haver um equilíbrio, mas nem sempre funciona quando a pessoa está focada somente na relação. Isto também é uma escolha!”, alerta Beatriz. Até o namorado, quando não está satisfeito, deve alertar a amada sobre as atitudes dela. Para Beatriz, ele deve “ter o entendimento de que isso é uma necessidade dela e não dele”. “Além de oferecer apoio para que ela tenha seus próprios amigos, saia, seja independente”, ensina a psicóloga.

Se tudo der certo, a sua amiga vai aprender com os erros e melhorar as atitudes. “Em uma relação, cada pessoa deve ter seu próprio espaço, até mesmo para ter o que compartilhar com o outro”, declara Beatriz. Com um pouco de paciência e boas conversas, em breve você vai ter sua melhor amiga de volta. Só cuidado para não agir igual, quando chegar a sua vez de encontrar o príncipe encantado!

Fonte:
Bolsa de Mulher

3 thoughts on “Ele não deixa

  1. Amanda Marques says:

    Ah isso aconteceu comigo e a minha melhor amiga, mas aconteceu apenas nos primeiros meses de namoro, depois nem ela estava aguentando ficar o tempo todo grudada com ele e reconheceu que uma hora ele ia cansar também. Eu espero que eu não seja grudenta quando eu encontrar o meu príncipe encantado! rsrs
    Beijos

  2. eu quero um namorado says:

    Еu ѕó queгo dizer que eu ѕοu muіto noνο parа blogs
    e геalmentе νocê é ѕaboreado ѕіte.
    Proνável que eu sou ρrovаѵelmente para marсаr o
    ѕeu site. Ceгtamente Voсê νеm cοm artigos tгemendos.
    Μuito obrigаda por cοmρaгtіlhaг сοnоsco sua página.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × quatro =